Standby

Muitas pessoas podem me ver como louco, insano, ou algo do tipo, mas devo admitir – por uma questão de honra – que a ficção mais me importa, e mais me é útil, do que a realidade, em si. Pode soar louco, novamente, mas, mesmo difícil sendo trazer a fantasia para a nua e crua, ainda insisto nessa transição maluca. O resultado vai muito além do que utopias não postas em prática.

Quando digo ficção, refiro-me não só a livros, mas a programas de televisão (raros por sinal), filmes, e, claro, minha longa e insaciável imaginação, que consegue me tirar o sono madrugada adentro e me consome pelas tardes afora. Nessas viagens – já discutidas por mim, creio eu – eu conheço novas pessoas que me trazem novos sabores a tal realidade. Vivo outras vidas, mesmo que sentado ao sofá, que jamais dele sairão. E, sim, por incrível que possa parecer, isso me ajuda a levantar a cabeça, estufar o peito, e seguir adiante.

Não é infantilidade. Nem “escapismo”. É, na verdade, apenas um pause, no controle remoto da minha vida. Enquanto esse botão está apertado, eu me aperto pra tentar visualizar novas soluções, novos sentidos e nexos pra trazer de volta, quando o play voltar a tocar.

Pois é. Infelizmente ou não, o play sempre é apertado de novo, mas isso não quer dizer que o pause tenha sido bloqueado. A não ser que a sua mente, lavada pelo cruel mundo real, assim o queira.

Post ao som de: Maroon 5 – Sweetest Goodbye

~ por Everaldo Santos em 18 setembro 2008.

3 Respostas to “Standby”

  1. Eu adoro esses posts que trata do simples e que podem de alguma forma parecer complexo ou o complexo que fala de forma simples… essa brincadeira de dizer algo sem dizer por completo! Fazendo que lê pensar se é ou não o que se entendeu.Forma que eu costumo aplicar muito no meu blog rsrs. Muitas vezes somos levados por nossa imaginação a caminhos diversos alguns mais interessantes que o nossos mas nem sempre esses caminhos podem ser seguidos então ficam apenas guardados na memória esperando talvez uma oportunidade pra retornarem enquanto isso voltamos aos nossos caminhos de origem recomeçando de onde paramos antes de viajar para a imaginação.

    Beiijos se vc é louco eu sou 2x

  2. creio eu que a imaginação eh sim nossa válvula de escape .. sem deixar de ser uma forma de sonhar acordada .

    bjs

  3. ” Não digo que não me surpreendi .. Antes que eu visse, vc disse e eu não pude acreditar ! Mas vc pode ter CERTEZA de que seu telefone irá tocar em sua nova casa que abriga agora a trilha incluída nessa minha conversão…
    Eu só queria te contar que eu fui lá fora, e vi dois sóis num dia e a vida que ardia sem explicação… “

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: